Face ao cenário catastrófico que se vive no Brasil, a Associação Juízes para a Democracia encontra-se a promover uma Carta Aberta, através da qual as entidades signatárias «suplicam que as instâncias internacionais de regulação dos Direitos Humanos se manifestem de imediato em relação aos pedidos já formulados, a fim de obrigar a tomada de medidas que protejam a vida de brasileiras e brasileiros por parte do Governo Federal e do Parlamento brasileiro».