A APJD não fica indiferente à regressão dos direitos das mulheres refletida nas recentes alterações legislativas de diversos países, parte deles, estados membros da União Europeia.

Neste contexto, a APJD subscreve a «Carta Aberta de Solidariedade com as Mulheres da Polónia e Eslováquia» e convida todas as suas associadas e mulheres juristas a aderirem a esta iniciativa.

Para aderir a esta iniciativa de apoio, basta que confirme o seu nome profissional e localidade para o email contacto.apjd@gmail.com.

As promotoras da Carta Aberta farão chegar a mesma à Eurodeputada Sandra Pereira, líder da iniciativa Europeia em curso intitulada “A luta das mulheres na Polónia e Eslováquia”.